sábado, 28 de novembro de 2015

teu nome

adoro anunciar em mim o sabor desse teu nome proibido, permitido apenas na mentira dos instantes e na verdade dos desejos

teu nome um lugar perdido encontrado vagando em mim assim teu nome é um caminho um carinho que começa no silêncio que existe em mim


Nenhum comentário:

Postar um comentário