quinta-feira, 26 de novembro de 2015

quando ela me esqueceu

vou saindo aos poucos sem alarde sem o choro da saudade depois é curva feita e todo caminho quer seguir

abandono-te no melhor dessa agonia abandono-me ainda que tarde bem cedo eu já partia


Nenhum comentário:

Postar um comentário