segunda-feira, 14 de abril de 2014

RASCUNHO E SENTIMENTOS DE PALAVRAS...

Quantas vidas você tem para oferecer hoje...

COMO ESQUECER, COMO ESQUECER, 
SOPRAVA O VENTO...
JAMAIS, JAMAIS, 
RESPONDIA AS CAVERNAS ESCURAS DA SAUDADE...

QUERO A ILUSÃO DE TODAS AS MENTIRAS
ENQUANTO AS VERDADES TEIMAM EM CEGAR MEUS OLHOS
SEDENTOS DE INGENUIDADE...


LÁ FORA REINA O DESCASO, 
AQUI NO MEU ESPAÇO EGOÍSTA, TORPE E SENIL 
ALIMENTO A MINHA FÉ E CONVERTO OS TOLOS...  palavras de salvação
O MEU SANTO É DE BARRO, E DO PAU OCO... 
ADORAMOS OS DESCRENTES, 
QUE TEIMAM EM CRER EM TOLICES REVELADAS...
vou me penitenciar, pagar promessas sem curas e mentir para o meu ego...
em todo lugar do mundo, a realidade sonha com as palavras de Heráclito....MUDANÇA!!!  
e o que ele esqueceu: a permanência!!!!!!

alimento-me de todas as ausências...
amanhã só me resta devorar meu umbigo...
na hora do aperto, do cerco, da dor e do medo, 
sozinho e acuado num canto, com um crédito no celular.....você liga pra quem?!

La ciudad es cutre e su playa non tiene el sol de las personas...

O ACASO NÃO EXISTE... 
É O VAZIO ENTRE O PLANEJADO, 
O FEITO E NOSSA PERCEPÇÃO DA REALIDADE...

Indo para o mar, onde não há o mar... eu sei ir...
Todos mendigamos, atenção, ajuda e afeto...

acabou de começar....o fim!!!!
todo dia ele acaba e recomeça...
então é literalmente contagem regressiva...

A CARA MAIS BONITA É DA HIPOCRISIA...
MÁ EDUCAÇÃO MATA...
Tente ao menos ser Solidário...

NÃO TENHO IMAGENS ALGUMA NO MEU BOLSO FURADO....
VOLTE SEUS OLHOS SOBRE MIM, 
SEJA LATENTEMENTE VICIANTE... 
GRITOU O POÇO...
ENQUANTO O ECO DORMIA TRANQUILO.

nunca estamos livres, a dor nos acompanha, 
assim aprendemos a sorrir...
no cair da noite ficamos mais ávidos... 
é o tormento da solidão das camas...

SE VC É MUITO OU POUCO, 
NÓS JUNTOS TEMOS O VALOR DE:
 1234567890 + 0987654321 = TUDO QUE TENHO PRA TE DIZER 
AGORA VEM MISTURADO COM: ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXWYZ.
vouviverficouchatoachatice...eotédiotomoucontademim...
Décio.....sabia construir muros e derrubar montanhas com as palavras...Pignatari!!!
concretizando: sssssssssssssssssss saaaaaaaaaaaaaaaaaa sacccccccccccccccccccc saciiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

quer se comprometer, então não se comprometa...
viva as pessoas sem vírgula e sem pudor as normas intelectuais, 
viva a vírgula que norteia o caos da razão, 
tão frágil, tão temerosa de si.

tudo desidratado inclusive as pessoas...
o sertão segue inventando resistências...
A seca é real, a água é um sonho caro 
que se afasta da geografia humana...

como um rato ágil vou correndo dos gatos 
e me atiro intrépido na ratoeira.... 
de longe ouve-se o estalo...

não chore tanto, 
o calendário é curto como um amante tosco....
é só no dia que você decide que as coisas acontecem...

entre a vidraça e a pedra,
o dilema das mãos que jogam,
que compram que afagam e apontam...
as nuvens chegam num anúncio de chuvas esquecidas, 
enquanto sonhamos com uma brisa sobre em nossas vidas...
e agora acabou a moda, a droga do momento, 
como conter a fúria da abstinência midiática... 
o vício é uma tela de prazer...

enquanto ele gritava socorro, socorro, 
as paredes invisíveis riam da falta do amor, na hora da solidão...
a solidão é uma opção, o abandono e o esquecimento é uma tortura...
de tanto que te amo.....eu também te odeio...

o barco à deriva, cheio de marinheiros raivosos, 
enquanto o almirante atirou-se ao mar.... 
fujam, fujam, grita de longe uma sereia dissimulada... 
(contos de assombração do deserto).

Minhas melhores promessas são peças de enfeites de meio de rua...
e quando vem a chuva vamos juntos em busca do gargalo...
cabe em mim todo medo, coragem e ousadia do mundo,
que teimo em viver e lanço ao mundo em alguns míseros caracteres...


olhos de vigia nas palavras, fuçando as intenções...
censura intelectual é tão míope quanto o peso do opressor.
eu sigo essa tua agonia...
publico palavras sem sentido 
diante das tuas imagens e publicidades de discursos mórbidos e política vazia...
é o sapo....é o grilo.... é o medo... é o eco!
alguém já mandou você...então vá agora!!!
sorria você está sendo filmado, copiado, plagiado...deletado!!!
produto das redes, balançando no sentido inverso.

o pior dos rótulos.... segue crispado de intenções que as palavras despejam sobre os demais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário